0
  • No products in the cart.

7 maneiras de deixar de ser escravo do seu smartphone

De quantos grupos do Whastupp você participa? Provavelmente um deles é da família, outro da família mais próxima, amigos, colegas de trabalho, ex-colegas de curso, grupo das mães da escola de seus filhos e a lista continua.  Além disso, quantas redes sociais você acessa todos os dias? Não se esqueça das suas contas de e-mail, do trabalho e pessoal. E todas aquelas notificações das últimas notícias que inundam seu Iphone?

Nós estamos diariamente expostos a uma quantidade enorme de informações e isso acaba por gerar muito cansaço e ansiedade. São muitos artigos para ler, muitas pessoas para trocar mensagens, novas apps para testar e novas redes sociais para cadastrar-se.

Para ficar em dia com o que se passa no mundo tecnológico, às vezes, é necessário dar um passo para trás. A tecnologia nos deu a chance de estarmos conectados ao mundo, de acessarmos diversas informações e oportunidades que não poderíamos ter sequer imaginado, mas muitas vezes, tudo isso pode nos fazer sentir-nos sufocados.

Atualmente nós estamos utilizando quase tudo o que há disponível porque ainda não descobrimos qual é o melhor. Por isso, é necessário dar um passo para trás e começar a gerenciar a nossa”dieta”de informações.

Primeiro precisamos entender que nossos smartphones e a web são infinitos, mas o nosso cérebro não é. Cada vez que temos que tomar uma decisão e mudar de tarefa, nós queimamos glicose, da qual temos uma quantidade limitada. E só temos a capacidade de gerir cinco decisões de uma só vez. Tome como exemplo um simples e-mail. Você deve abri-lo, respondê-lo, registrá-lo, guardá-lo para ler mais tarde ou você deve excluí-lo? Isso requer cinco decisões e você ainda nem tomou seu café! Não é de admirar que no final no dia nos sentimos mentalmente tão cansados. Nós estamos literalmente desgastando fisicamente nossos cérebros até o ponto onde eles não conseguem mais tomar decisões inteligentes.

Sabendo que nossos cérebros têm esse limite, como podemos conseguir tirar proveito de tudo que a tecnologia tem para nos oferecer e ao mesmo tempo, conseguir proteger-nos dos seus excessos? Basicamente, precisamos priorizar. Necessitamos proteger-nos de distrações, ignorar informações desnecessárias, tirarmos uma folga e sentir-nos entediados de vez em quando. Todo mundo quer um pedaço da sua atenção e eles vão conseguir tirar-lá a menos que você estabeleça limites e regras para si mesmo.

1- Treine seu smartphone. Alex Soojunh Kim-Pang da Universidade de Stanford diz que os smartphones saem da caixinha como recém-nascidos, com tudo ligado e exigindo atenção. Assim como fazemos com nossos filhos, nós temos que transformá-los em seres humanos civilizados e ensiná-los a parar de gritar conosco. Desative as notificações, alertas e qualquer coisa que tire a sua atenção quando você tem que se concentrar.

2- Descubra do que a salsicha é feita. Quanto mais desconstruirmos a tecnologia, quanto mais entendermos como ela é feita e o que ela quer de nós, mais poder nós teremos sobre ela. Por que o Snapchat quer que você atualize-o constantemente? Por que o WhatsApp quer ter acesso ao seu microfone? Seja alfabetizado digitalmente.

3- Permita-se sentir-se entediado. Separe um momento no seu dia, sejam os cinco minutos que você anda a pé da estação de metro até sua casa ou a fila no supermercado, para estar completamente livre do seu telemóvel. Permita-se sentir-se entediado durante esses momentos porque o tédio é um caminho poderoso para a criatividade.

4- Organize seu cérebro. Ser organizado é mais importante do que nunca devido a todas as demandas e informações que temos diariamente. Qual é o sentido de ter toda essa informação se não conseguimos fazer nada de útil com elas? Precisamos de sistemas. Faça uma lista de coisas a fazer. Priorize dentro dessa lista. Cumpra-a.

5- Faça uma coisa de cada vez. Ter a capacidade de realizar múltiplas tarefas ao mesmo tempo é um mito. Concentre-se em uma coisa de cada vez e evite a distração. Quando perdemos a concentração em uma tarefa, demora 23 minutos e 15 segundos para o cérebro recuperar o foco.

6- Para ter uma leitura mais produtiva, faça listas e leia sobre um tópico de cada vez, em vez de olhar seu Twitter e ler sobre finanças e saúde no mesmo espaço de tempo. O aplicativo Pocket é ótimo para criar listas de leitura e salvar artigos para ler mais tarde.

7- Mude o ritmo. Dê uma caminhada na hora do almoço. Se não quer caminhar, pelo menos vá para fora tomar um ar e espairecer sua cabeça.

Referência: http://www.smh.com.au/lifestyle/life-and-relationships/careers-and-money/10-ways-to-stop-being-a-slave-to-your-smartphone-20160929-grro3u.html

 - 
English
 - 
en
French
 - 
fr
German
 - 
de
Italian
 - 
it
Portuguese
 - 
pt
Russian
 - 
ru
Spanish
 - 
es
×