Entrega grátis em Portugal para compras superiores a 40€

 - 
English
 - 
en
French
 - 
fr
German
 - 
de
Italian
 - 
it
Portuguese
 - 
pt
Russian
 - 
ru
Spanish
 - 
es
0
  • No products in the cart.

Cetose x Cetoacidose. Entenda a diferença.

Confundir cetose com cetoacidose é um dos principais motivos pelo qual algumas pessoas tem medo de fazer a dieta cetogénica. Vamos esclarecer esta diferença de uma vez por todas, uma vez que esta confusão faz com que muitas pessoas deixem de seguir uma dieta que poderia melhorar a sua saúde.

Cetoacidose é uma condição de vida ou morte para portadores de diabetes tipo 1. Quanto diabéticos não tem uma quantidade adequada de insulina o organismo interpreta como se ele estivesse faminto. O corpo responde como se não tivesse mais glicose para ser utilizada como fonte de energia, seja da alimentação ou das reservas de glicogénio, e aumenta a queima gordura para ser utilizada como fonte alternativa de combustível. O problema disso é que os diabéticos não estão com falta de glicose e sim com níveis elevados. A insulina é o hormónio que permite que a glicose entre nas células e sem ela o açúcar não tem para onde ir e fica acumulado no sangue mesmo que o corpo esteja a produzir corpos cetónicos. É um problema sério e merece atenção. Isto se aplica a portadores de diabetes tipo 1, raramente para portadores de diabetes tipo 2 que são dependentes de insulina e impossível de acontecer naqueles que não tem diabetes.

Lembre-se que o aumento de corpos cetónicos que leva a cetoacidose em diabéticos do tipo 1 ocorre em simultâneo com um aumento nos níveis de açúcar no sangue. Quando a dieta cetogénica é utilizada como tratamento em outras pessoas o aumento de corpos cetónicos ocorre em simultâneo com uma diminuição nos níveis de açúcar no sangue. Saber esta diferença pode lhe deixar mais tranquilo se deseja seguir uma dieta cetogénica.

 

Fonte: Keto Clariity. Jimmy Moore e Dr. Eric Westman
Crédito da imagem: www.perfectketo.com/what-is-the-ketogenic-diet/

 

 

×