Entrega grátis em Portugal para compras superiores a 40€

 - 
English
 - 
en
French
 - 
fr
German
 - 
de
Italian
 - 
it
Portuguese
 - 
pt
Russian
 - 
ru
Spanish
 - 
es
0
  • No products in the cart.
tipos síndrome intestino irritável

Síndrome do Intestino Irritável: Sintomas

Síndrome do Intestino Irritável afeta cerca de 10% da população portuguesa. Embora a causa subjacente da síndrome do intestino irritável ainda não seja conhecida, a condição leva a movimentos anormais a nível intestinal, o que por sua vez pode levar a espasmos.

Esta é uma condição funcional, o que significa que não há diferenças físicas no intestino de uma pessoas com ou sem a síndrome do intestino irritável. A única diferença é a forma como os intestinos funcionam.

A síndrome do intestino irritável leva a uma série de sintomas incluindo dor, inchaço abdominal, diarreia e obstipação. Os critérios de Roma IV permitem que os pacientes sejam subclassificados de acordo com o seu hábito intestinal predominante (usando o gráfico de fezes de Bristol) como SII-O (obstipação), SII-D (diarreia), SII-M (misto) ou SII-U (sem classificação). Também avalia-se a dor e desconforto.

bristol fezes

bibliografia: scielo.com.br

 

  • SII-O: a pessoa sente dor abdominal recorrente associada à defecação e à frequência reduzida de fezes e / ou fezes irregulares / duras mais do que 75% das vezes. Além dos sintomas acima, outros que estão frequentemente presentes, são: distensão abdominal e / ou inchaço, gases, esforço na hora de defecar e sensação de evacuação incompleta. 
  • SII-D é definida quando 25% ou mais dos movimentos intestinais, tem as formas 6 ou 7 da classificação de Bristol, e quando menos que 25% das fezes são com as formas 1 ou 2. Esses pacientes geralmente apresentam dor abdominal associada a: fezes moles ou aquosas sem peças sólidas, cãibras frequentes, urgência que não é aliviada pela defecação, muco nas fezes e a variabilidade diária no hábito intestinal. Vários fatores podem contribuir para o desenvolvimento de SII-D, como: ritmo gastrointestinal acelerado, hipersensibilidade visceral e microbiota intestinal alterada.
  • SII-M: quando ocorre obstipação e diarreia alternadas ocorrendo em mais que 50% do tempo. Os sintomas são variáveis e associados a SII-O e ao SII-D. Sabe-se que: os surtos deste subtipo tendem a ser relativamente curtos (com duração inferior a uma semana) e os sintomas mais incômodos são hábitos intestinais irregulares, inchaço e dor abdominal. Os sintomas psicológicos são semelhantes aos de pessoas com SII-O e SII-D. Este subtipo é um desafio nas pesquisas e na prática clínica, em parte porque poucos estudos examinaram a eficácia dos tratamentos disponíveis nesse subgrupo.
  • Pacientes que não podem ser categorizados com precisão como SII-O, SII-D ou SII-M, são considerados portadores de SII-U. Nesta classificação apresentam-se alterações frequentes na dieta e / ou medicamentos ou quando não há a possibilidade de interromper os medicamentos que afetam o trânsito gastrointestinal.

Atualmente, não existem testes fisiopatológicos disponíveis para diagnosticar adequadamente a síndrome do intestino irritável; portanto, os sintomas desempenham um papel importante no estabelecimento de um diagnóstico positivo. No entanto, como os sintomas se sobrepõem a muitas outras doenças, há potencial para erros de diagnóstico.

É necessário fornecer aos pacientes um diagnóstico preciso para: reduzir o número de consultas repetidas; reduzir investigações desnecessárias (em busca de um diagnóstico) e para que os pacientes possam tratar com confiança a sua condição.

Se precisa de ajuda para tratar esse problema, clique aqui para agendar uma consulta. Caso queira saber mais sobre o nosso tratamento para a síndrome do intestino irritável, clique aqui.

×